Publicado em 01/02/2019
Atualizado em 01/02/2019

Câncer: saiba como se prevenir

Dia Mundial do Câncer marca mobilização pelo controle da doença

Existem mais de 200 tipos diferentes de câncer que podem atingir qualquer órgão do corpo humano. A doença não tem uma causa única. Em mais de 80% dos casos está associada a causas externas, como hábitos e estilo de vida. Nesse sentido, cada pessoa, individualmente, tem o poder de reduzir o impacto do câncer na sua vida e na vida das pessoas a sua volta.

 

Criado em 2005 pela União Internacional para o Controle do Câncer (UICC), com apoio da Organização Mundial da Saúde (OMS), o Dia Mundial do Câncer, em 4 de fevereiro, marca a mobilização da sociedade pelo controle da doença. A prevenção tanto pode evitar o desenvolvimento da doença, como também é essencial para o diagnóstico precoce. Conheça algumas dicas em prol de uma vida mais saudável:

 

Não fumar – fumantes têm 20 vezes mais chances de desenvolver câncer no pulmão. Ao fumar, são liberadas no ambiente mais de 4.700 substâncias tóxicas e cancerígenas, inaladas inclusive por quem não fuma. Ficar longe do cigarro também ajuda a evitar a doença na cavidade oral, laringe, faringe e esôfago.

 

Alimentar-se bem – Priorizar o consumo de frutas, legumes, verduras, cereais integrais, feijões e outras leguminosas e evitar alimentos ultraprocessados, como salsicha e salame, ajuda a prevenir o câncer e ainda colabora para a boa forma física.

 

Praticar atividades físicas – Exercícios promovem o equilíbrio dos níveis de hormônios, reduzem o trânsito gastrointestinal, fortalecem as defesas do corpo e ajudam a manter o peso adequado. Ou seja, é uma ótima forma de manter seu organismo saudável e longe de doenças. Vale desde a prática de esportes até trocar o elevador pelas escadas ou levar o cachorro para passear. O importante é deixar o sedentarismo de lado.

 

Cuidados ao sol A exposição solar excessiva é o principal fator de risco para o câncer de pele. Evite tomar sol entre 10h e 16h e não abra mão de proteção: chapéu, barraca e protetor solar inclusive nos lábios. Quem trabalha ao ar livre deve usar chapéu de aba larga, camisa de manga longa e calça comprida.

 

Amamentação – O ato de amamentar protege a mãe contra o câncer de mama e ainda ajuda a criança na questão da obesidade infantil.

 

Evitar bebidas alcoólicas – Seu consumo em qualquer quantidade favorece o desenvolvimento de diversos tipos de câncer: boca, faringe, laringe, esôfago, estômago, fígado, intestino (cólon e reto) e mama (pré- e pós-menopausa). A combinação com tabaco aumenta ainda mais a probabilidade.

 

Moderar na carne processada – Os conservantes destes alimentos podem provocar o surgimento de câncer de intestino (cólon e reto) e o sal pode ocasionar o de estômago. Logo, modere no consumo de presunto, salsicha, bacon, salame, mortadela, peito ou blaquet de peru.

 

Vacinar-se – Meninas de 9 a 14 anos e meninos de 11 a 14 anos devem tomar a vacina contra o HPV, disponível no SUS. Já o câncer de fígado tem chances de prevenção com a vacina contra a hepatite B, visto estar relacionado à infecção do vírus causador da doença. O Ministério da Saúde disponibiliza nos postos de saúde do país a vacina contra esse vírus para pessoas de todas as idades.

 

Fazer os exames preventivos - Mulheres entre 25 e 64 anos devem fazer o exame preventivo do câncer do colo do útero a cada três anos. Já a mamografia é indicada a mulheres entre 50 e 69 anos. O Sesc mantém uma frota de 25 unidades móveis que oferece os exames gratuitamente. Além disso, o Sesc Saúde Mulher realiza ações educativas de promoção da saúde, abordando temas como a adoção de hábitos saudáveis, a importância do autocuidado, direitos sexuais e direitos reprodutivos, prevenção e violência doméstica, entre outros.

 

Informe-se sempre em fontes confiáveis. Sobre câncer, você pode saber mais em: https://www.inca.gov.br/





O Sesc no Brasil