04/02/2014

Conheça as distâncias e tipos de competições no triathlon

Há muita controvérsia sobre a história do Triathlon. Muitos acreditam que o esporte tenha nascido com o Ironman, no Havaí, mas não foi o que aconteceu. Scott Tinley, ex-triatleta e bicampeão mundial de Ironman, afirma que já havia indícios de um esporte semelhante ao Triathlon na década de 1920, na França, modalidade chamada de "Les trois sports" (Os três esportes). Tinley, talvez o maior historiador do Triathlon mundial, indica que eventos multiesportes, no entanto, já existiam desde o século 19. Em 1920, o jornal francês L'Auto relatou uma competição contínua e sem intervalos de 3km de corrida, 12km de ciclismo e mais a natação atravessando o canal de Marne. Outras provas se sucederam nesse período, mas ainda sem a denominação "Triathlon".

O primeiro triathlon moderno (nada, pedala e corre - ou, melhor, nadapedalacorre) foi registrado em San Diego, Califórnia, na década de 1970. No dia 24 de setembro de 1974, a equipe do Clube de Atletismo de San Diego organizou uma disputa para sair da rotina dos treinos na pista. O desafio consistia em nadar 550m, pedalar 8km e correr 8,5km. 46 participantes completaram a prova e, a partir daí, o esporte cresceu até se tornar uma modalidade olímpica a reunir milhões de praticantes em todo mundo.

A história do Ironman não é tão mais recente. Em 1978, em Oahu - Havaí, 15 homens se reuniram para sanar uma dúvida: quem eram os atletas em melhor forma entre nadadores, ciclistas e corredores. A competição para responder à questão veio do comandante da marinha americana John Collins: as distâncias do ironman surgiram de três importantes provas havaianas: a travessia de 3,8km de natação de Waikiki, a corrida ciclística ao redor de Oahu (180km) e a tradicional maratona de Honolulu (42.195m). Quem terminasse a prova em primeiro lugar seria o "homem de ferro". Dos 15 participantes, 12 completaram. O vencedor foi Gordon Haller (especialista de comunicações da Marinha), que fechou a prova em incríveis 11h46min58seg.

Em 1982, a prova saiu do mês de fevereiro em Oahu para o mês de outubro, na Grande Ilha, em Kona. Este nome jamais seria o mesmo. Kona passou a ser sinônimo do próprio triathlon em sua mais pura essência. O santo graal para a maioria dos triatletas. Até hoje, o Mundial de Ironman acontece no mesmo local. Hoje em dia, é necessário que os atletas amadores se classifiquem em uma das provas do circuito mundial de Ironman e em algumas das seletas provas de Ironman 70.3 que dão vaga para o Mundial. Já os profissionais se classificam por meio do Kona Pro Ranking, sistema de pontuação anual.

Em 1989 foi fundada a International Triathlon Union, organização que tinha uma missão principal: organizar o esporte e levá-lo às olimpíadas, o que aconteceu em pouco mais de 10 anos. Em Sydney, 2000 o triathlon estreou nas Olimpíadas, com a distância que é conhecida como "Triathlon Olímpico": 1,5km de natação, 40km de ciclismo e 10km de corrida.

Derivada da distância olímpica, surgiu o Short ou Sprint Triathlon, que consiste em 750m de natação, 20km de ciclismo. Pelas regras da ITU, as provas de sprint e olímpico são com vácuo para a elite e SEM VÁCUO para os amadores. No entanto, o Brasil, por meio de sua Confederação, é um dos poucos países do mundo que adota a regra de vácuo liberado para os amadores, inclusive em provas que classificam para os Mundiais SEM VÁCUO.

Em 1995, surgiu o circuito Ironman 70.3, representa a distância do meio Ironman em milhas: 1,9km de natação (1,2 milhas), 90km de ciclismo (56 milhas) e 21km de de corrida (13,1 milhas) - total 70.3 milhas. O Mundial de Ironman 70.3 acontece em Las Vegas, no mês de setembro. Assim como acontece com o Mundial de Ironman, é necessário se classificar por meio de uma das provas por circuito mundial.

As provas de meio ironman são as mais populares na longa distância em todo o mundo, com diversos organizadores além da marca Ironman. Trata-se de uma distância que atrai muitos atletas de diversos níveis e objetivos.

A ITU também promove o Mundial de Longa Distância, que acontece nas distâncias de duplo olímpico (2O - 3km de natação, 80km de ciclismo e 20km de corrida) ou triplo olímpico (3O - 4km de natação, 120km de ciclismo e 30km de corrida).

Recentemente, foi introduzido pela ITU o triathlon por equipes, que deve integrar os Jogos Olímpicos do Rio em 2016. Essa modalidade consiste em equipes de 4 atletas (2 homens e 2 mulheres) que competem em um super sprint (0.265m de natação, 4,9km de ciclismo e 1,2km de corrida). Cada atleta deve completar o percurso e tocar no atleta seguinte para que este possa iniciá-lo.